Blog-a ansiedade da separação-01

A ansiedade da separação

Cuidados Comments (0)

A quarentena causada pela pandemia do Covid-19 alterou a rotina de todo mundo e muitos trabalhadores passaram a fazer home office durante esse período. A rotina dos pets também mudou durante a quarentena, com seus tutores em casa durante a maior parte do tempo, os bichinhos de estimação ficaram mais acostumados a ter a presença de todos os membros da família em casa por mais tempo.

Porém, o período de quarentena parece estar chegando ao fim e com a regressão da pandemia, está chegando a hora da rotina mudar novamente, voltando aos poucos ao que era antes. Essas mudanças repentinas de rotina são muito estressantes para os cães que se acostumaram a ter companhia a maior parte do tempo e agora terão que passar mais tempo sozinhos.

Os cães adoram companhia, e ao perceber que terão de ficar por horas e horas sozinhos em casa, começam a ficar ansiosos. Nesse momento, os donos de cães começam a perceber uma alteração no comportamento de seu pet, ficando mais agitados ou abatidos, perdendo o apetite, entre outras situações, fatores que tornam a volta à rotina normal mais difícil.

 

Como superar a ansiedade da separação após a quarentena?

 

Mesmo os cães que já eram acostumados a ficar sozinhos antes da quarentena, pode sofrer de ansiedade no momento que ficarem sozinhos em casa, podendo apresentar agitação excessiva, choros, depressão, latidos e até mesmo comportamento destrutivo.

Para MINIMIZAR essa situação, é importante começar já, um processo, para preparar seu companheiro a ficar sozinho, veja algumas dicas:

 

Treinamento antes do fim da quarentena

 

1 – Isolamento assistido – Isole seu pet em um cômodo sozinho por alguns minutos. Faço isso ao longo do dia, no início ele pode se agitar, mas vai se acostumando e conforme a evolução, aumente o tempo de isolamento.

2 – Saia de casa sem seu cão – Saia de casa com sua família por 30 minutos ou 1 hora e deixe seu amigo confortável, assim ele vai se acostumando a ficar sozinho, sem ninguém em casa.

1 – Conforto – Durante a dica acima e quando a rotina voltar ao normal, antes de sair, deixe seu cão bem confortável, com água fresca, comida, cama e brinquedos, além de uma camiseta ou objeto com seu cheiro, isso vai deixa-lo mais seguro

2 – Passeios – Faça longos passeios com seu filhote de quatro patas, assim ele irá gastar bastante energia e ficará menos agitado e ansioso quando ficar sozinho em casa.

3 – Distração – É muito importante que o cão tenha com que se distrair, espalhe brinquedos pelo cômodo, brinquedos com ração dentro. Disponibilize  todo tipo de brinquedo e brincadeira para que seu pet foque nesses objetos e esqueça os móveis da casa. É possível esconder petiscos pela casa para que seu pet faça uma caça ao tesouro. São formas de distrair seu amigo enquanto estiver sozinho.

4 – Adestramento – Avalie se vale a pena solicitar a ajuda de um profissional para ajudar você a implementar o treinamento contra a ansiedade de separação.

5 – Atenção – Ao chegar em casa não de atenção de forma exagerada ao cão, isso reforça os sintomas de ansiedade. não fale com voz alterada, não faça festa como se não o visse a anos. torne o momento o mais normal possível, apenas diga olá e depois que o pet se acalmar, parar de pular e diminuir a ansiedade, vá até ele e faça um carinho e fale demosntrando o quanto gosta dele, sempre de forma tranquila e serena. essa é uma das partes mais importante da quebra da ansiedade de separação. sem querer fazemos o reforço da ansiedade se nos comportamos da mesma forma que ele ao retornar em casa

 

Com essas dicas, seu cão irá se acostumar mais tranquilamente à mudança de rotina, NAO SOFRERÁ COM A SOLIDÃO, sua casa não será destruída e todos ficarão felizes.

Pin It

» Cuidados » A ansiedade da separação
Em 23 de julho de 2020
By
, , , , , , , , , ,

« »