Blog- Saiba como seu pet pode doar sangue e salvar vidas-01

Saiba como seu pet pode doar sangue e salvar vidas

Cuidados Comments (0)

Você sabia que os animais de estimação também podem doar sangue?

A maioria das pessoas pensam que somente os seres humanos precisam de transfusão de sangue, porém, os animais também necessitam receber doações de sangue para que suas vidas sejam salvas.

Os bancos de sangue humanos já possuem muitas dificuldades em conscientizar as pessoas a doarem sangue, mesmo com muita informação sobre o assunto. Agora, imagine a doação de sangue de pets, além de poucas pessoas conhecerem o assunto ou sequer pensar no assunto, se torna muito mais difícil adquirir sangue animal para salvas vidas.

Cães e gatos de estimação podem doar sangue e salvar a vida de outros animais que sofrerem algum acidente ou necessitarem de cirurgias devido a doenças. Mas para que a vida desses animaizinhos seja salva, é essencial existir um banco de sangue com estoque em alta.

 

Grupos sanguíneos dos pets

Os seres humanos possuem 4 grupos com 8 tipos sanguíneos, já os animais possuem agrupamentos muito maiores entre as raças. Por exemplo, os cachorros possuem mais de 13 grupos sanguíneos e os gatos possuem apenas 3 grupos sanguíneos e são os mais parecidos com os grupos de sangue dos seres humanos.

É importante ter o total conhecimento sobre os tipos sanguíneos dos pets pois, como acontece com os humanos, os animais também podem sofrer séries reações caso recebam o tipo sanguíneo incompatível.

 

Requisitos para doar

Para que seu filhote de quatro patas possa ajudar a salvar vidas de outros animais, é necessário que siga alguns requisitos fundamentais:

É importante que esteja com todos os exames de rotina e as vacinas em dia. Além dos exames e das vacinas em dia, cães e gatos devem seguir regras específicas para cada espécie, são elas:

Regras de doação de sangue para cães:

  • Peso mínimo de 20kg;
  • Idade entre 1 e 8 anos;
  • Não possuir doença pré-existente, transfusão prévia ou cirurgias nos 30 dias antecedentes à doação;
  • Não fazer uso contínuo de medicação;
  • Não ter infestação de pulgas e carrapatos;
  • Não estar no cio ou ter saído há um mês;
  • Intervalo entre as doações de sangue: 3 meses;
  • Vacinação e vermifugação atualizadas.

Nos cães são retirados em média 450ml de sangue.

 

Regras de doação de sangue para gatos:

  • Peso mínimo de 4kg;
  • Idade entre 1 e 7 anos;
  • Vacinação e vermifugação atualizadas;
  • Não ter infestação de pulgas e carrapatos;
  • Não estar no cio ou ter saído há um mês;
  • Não possuir doença pré-existente, transfusão prévia ou cirurgias nos 30 dias antecedentes à doação;

Nos gatos, são retirados em média de 20 a 40 ml de sangue.

 

Doar sangue também oferece benefícios ao animal doador

Além de não possuir efeitos colaterais, ao doar sangue, as clínicas de coleta realizam exames, que garantem um check-up completo no sangue de seu amigo de estimação, garantindo que a saúde dele esteja bem.

 

Quer tornar seu pet doador de sangue?

Primeiramente veja se seu pet possui os requisitos necessários e se está com os exames e vacinas em dia. Em seguida, entre em contato com os bancos de sangue veterinários ou centro de zoonoses, para saber os pontos de coleta.

 

Faça de seu pet um doador e doe sangue você também!

Pin It

» Cuidados » Saiba como seu pet pode...
Em 13 de agosto de 2020
By
, , , , , , , , , , ,

« »